24 de maio de 2016

A perfect girl


Às vezes ressinto com as fotos publicadas nas revistas ou nos sites de moda... A ideia de mulher perfeita ou linda está cada vez mais distorcida. 

É que já nem é o 86-60-86 porque os corpos ou são retocados com photoshop ou então é tudo plásticas, contudo mesmo que sejam corpos reais é tudo celebridades que não fazem mais nada do que ir ao ginásio 3 vezes por dia ou mulheres com verdadeiras equipas a tratar delas, qual equipa das boxes da Ferrari... 
Na vida real, trabalhamos (uns até por turnos, o que torna a ida ao ginásio um pouco mais difícil), temos uma casa para cuidar, temos celulite, brancas, estamos cansadas, com rugas, inchadas devido ao período, com esterias depois de ter um bebé ou até esterias depois de perder peso... Não querer dar uma de Gustavo Santos, mas todas as mulheres são perfeitas à sua maneira! Porque sermos imperfeitos e todos diferentes é o que nos torna lindos, tanto homens como mulheres.

Um exemplo de como vai havendo umas publicações mais realistas, photoshop-free, com corpos reais de todos os tamanhos e feitios, foi o calendário Pirelli deste ano ou até a campanha da Dove. Mas deixo-vos um vídeo duma activista, que fala precisamente deste mesmo problema e nos mostra exemplos práticos de como a beleza está mesmo a ser distorcida.




21 comentários:

Observador disse...

A perfeição não existe, disse-me uma mulher com ar de quem sabe o que diz.
E quem sou eu para duvidar?

Sara com Cafe disse...

como odeio essa tal de publicidade!! aaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaaa

Really Undecided - Diogo Mota disse...

Querem criar um padrão que na minha opinião só tem problemas. A beleza é algo subjetivo.

White Raven disse...

Muito muito bom. O video está fenomenal e a senhora fala muito bem. Só acho que no meio disto tudo há uma exagero muito grande - e não digo que ou tu ou a senhora o cometeram - em que pessoas caem: dizerem que as mulheres têm de ter curvas. Por culpa da insdústria da mode querer modelo magras, as mulheres que são magras por natureza são arrastadas nesta maré e apanham com esse tipo de comentários. Acho que muita gente não distingue. Dizer que "Mulheres reais têm curvas" é tão tóxico para uma magra sem curvas como as imagens photoshopadas que vemos.

Su disse...

Olá, C.,

Nunca é demais falarmos destas questões. Parece que há uma vontade de tornar o ser humano falsificado ao ponto do que o ideal é o que está "publicado" (na revista ou no monitor) e não o que existe. Espero que mais marcas peguem nesse ideal da mulher "verdadeira", e não das "photoshopada", até para bem das gerações mais novas, que parecem já nascer com um telemóvel ligado à Internet nas mãos...

Boa semana!

Diana Fonseca disse...

Concordo contigo por isso é que nem maquilhagem uso.

Adriana R. disse...

Não podia concordar mais! <3
The Fancy Cats | Giveaway

Doll disse...

E infelizmente a media consegue manipular as mentes mais jovens, depois é vê-las aos caídos.

Best men and the Kroc disse...

concordo cnt, as raparigas de hoje tbm só querem "Abs" e musculos, e os rapazes são bombardeados com imagens de modelos.. não há ninguém perfeito

Sofia disse...

Óptimo post! E adorei o vídeo... uma mensagem super importante, sem dúvida!!!

Cátia disse...

Isto cativou-me!

Cátia ∫ Meraki

Joana disse...

Cada vez mais reparo que o ideal de beleza com o qual somos "bombardeados" hoje em dia nos afecta mais do que achamos, e como sempre são sobretudo as mulheres a serem sujeitas à pressão. É triste.

Hina Chan disse...

a hina fica em contraste com essa perfeição tbmq não existe, eh tudo tao dificil.. na realidade gostaria de poder aceitar-me como sou para naão ser oq sou e.e estranho neh ? sou bugada rs'

S* disse...

A ditadura do físico perfeito é assustadora.

VeraG disse...

Devemos ser felizes com o que temos, não há perfeição, o que existe são ideias pre-feitas.

Cynthia disse...

O ser humano tem sempre tendência para querer melhorar, mas isso deve partir da vontade de se sentir bem consigo próprio e deve ser aceitável que a pessoa pare com os "melhoramentos" em si mesma quando se sentir bem como está. Independentemente do que os outros possam pensar. Infelizmente, a pressão da sociedade afecta muito a maioria das pessoas. Eu sempre fui redondinha e nunca tive problemas com isso, nunca me deixei perturbar pelas opiniões alheias. Todas as "melhorias" a que me propus foi por não me sentir bem comigo ou por questões de saúde e nada mais.

pequenasvontades disse...

Eu sinceramente acho que o modelo ideal vai deixando de existir. Hoje há mulheres que se apresentam como um modelo de vida e têm as mais variadas formas e ainda bem.
Creio que a nossa geração pode ajudar a mudar ainda mais =)

*Nightwish* disse...

O conceito de perfeição é mesmo muuuuuito relativo. Os nossos corpos são todos diferentes, mas os nossos gostos também! E, sinceramente, acho que o importante é estarmos bem no nosso corpo e nos agrademos a nós mesmos, e não aos outros.
****

Ana Freire disse...

Um video espectacular, que merece a maior divulgação possível!
Adorei o teu post!
bjs
Ana

Ana Patrícia disse...

Este é um tema que me diz muito de facto. Se por um lado, as pessoas que não correspondem ao "padrão" se deixam influenciar e se sentem mal pela imagem, as que, por obra da genética ou da dedicação obedecem a esse mesmo padrão, são constantemente chamadas de 'mulheres não reais'.
No fundo andamos todos aqui a engolir o que os media nos dizem e a assumir as nossas características como defeitos. E isso é tão estúpido! Nós não somos nem nunca seremos todos iguais e isso de defeitos nem existe. São apenas as nossas particularidades que nos tornam únicos e todos diferentes!
Foi uma boa reflexão o que escreveste! :)
xx, Ana

The Insomniac Owl Blog

Aninha Ferreira disse...

o q importa e sabermos viver com o que temos e somos...